[Projeto EXPRESSÃO] A corrupção no mundo: é possível vivermos no mundo de transparência?

por Oumar Kane Sow, Université de Poitiers

A corrupção pode ser definida como utilização do poder ou autoridade para conseguir obter vantagens e fazer uso do dinheiro público para o seu próprio interesse, ou de um integrante da família ou amigo.
Pessoalmente, acho que a corrupção é um crime. Exemplificando, ele permite favorecer alguém prejudicando outros. Aceitar e solicitar recursos financeiros para obter um determinado serviço público isento de multas ou em licitações para favorecer determinada empresa.

Sabemos todos, sem dúvida, que a corrupçao é presente em maior evidência em países não democráticos e de terceiro mundo. Essa prática, infelizmente está presente nas três esferas do poder (legislativo, executivo e judiciário).

Toda sociedade corrupta sacrifica a camada pobre, que depende puramente dos serviços públicos, mas fica difícil suprir todas as necessidades sociais (infrastructura, saúde, educação, previdência, etc.) se os recursos são dividos com a área natural de atendimento p[ublico com os traficantes de
influência (os corruptos).

Quando o governo não tem transparência em sua administração é mais provável que haja ou que se incentive essa prática. Não existe país com corrupção zero, embora os países ricos democráticos tenham menos corrupção, porque sua população é mais esclarecida acerca dos seus direitos, sendo assim mais difícil de enganar.

Para concluir, para reduzir este fenômeno, precisamo duma união popular para obrigar as autoridades responsáveis a mudarem esse cenário, pois incentivam, por meio de movimentos sociais e meios alternativos de expressão , outras pessoas a se mobilizarem em prol de transparência com os gastos públicos em escala global.